Iniciativas

Voltar

Crianças em situação de sem-abrigo – GIMAE participa em reunião de peritos em Bruxelas

Fotografia

O Grupo para a Implementação, Monitorização e Avaliação da Estratégia (GIMAE) representou Portugal no Peer Review on “Homelessness from a child’s perspective” organizado pelo Gabinete do Comissário Flamengo para os Direitos das Crianças, em Bruxelas, Bélgica, nos dias 27 e 28 de junho. 
 
Integraram a delegação portuguesa a investigadora e perita convidada, Isabel Baptista, e Sandra Alves e Madalena Cruchinho, do Instituto da Segurança Social, IP. Além de Portugal, estiveram presentes delegações da Dinamarca, Lituânia, República Checa e Roménia. 
Durante dois dias, os grupos de trabalho partilharam experiências, políticas locais e boas práticas na abordagem ao fenómeno dos sem-abrigo e tiveram oportunidade de visitar um projeto belga assente num modelo de comunidade, onde crianças em situação de sem-abrigo vivem e recebem cuidados. 
 
Na Flandres, um total de 1728 crianças vivia em abrigos e residências de trânsito, em 2014. Em 2017, em Bruxelas, um grupo de voluntários contabilizou em apenas uma hora 653 crianças em situação de sem-abrigo. Na tentativa de resolver o problema, o Gabinete do Comissário Flamengo para os Direitos das Crianças elaborou um dossiê em que foram destacadas cinco recomendações prioritárias – promover a visibilidade da situação das crianças nos documentos de planeamento de políticas e através da recolha de dados estatísticos; incentivar a cooperação entre as autoridades locais e decisores; adaptar a gestão das respostas de alojamento temporário e de apoio social às necessidades das crianças; prevenção do desalojamento infantil e implementação de um sistema holístico de acesso à habitação.
 Documentação: